Uma mulher gravida segurando uma maçã vermelha em frente a uma mesa com alimentos saudáveis, com os dizeres: Por que é importante controlar o peso durante a gravidez?

Por que é importante controlar o peso durante a gravidez?

Data de publicação: 18/06/2019 14:57:00
Categoria: Gestação

Ganhar peso é um processo natural da gravidez. Os seios aumentam, o feto cresce e o corpo armazena mais gordura, além das estruturas necessárias para o desenvolvimento do bebê. Mas, quanto é normal engordar? Perder peso também pode ser prejudicial? Existe um limite de peso para as grávidas?

Estudos mostram que engordar demais ou não ganhar peso suficiente durante a gravidez pode influenciar no desenvolvimento de doenças tanto na mãe quanto na criança. O desequilíbrio está relacionado à obesidade e a doenças como hipertensão e diabetes.

Por que é importante controlar o peso na gravidez?
Filhos de mães com Índice de Massa Corporal (IMC) considerado normal, e que ganharam excesso de peso durante a gravidez, têm 80% de chances de se tornarem obesos entre 2 e 5 anos de idade. Já as crianças de mulheres de peso considerado normal, que engordaram menos que o necessário na gravidez, têm chances 63% maiores de desenvolverem obesidade, indica um estudo realizado nos Estados Unidos, pela organização.

Ganhar pouco peso ou peso em excesso, durante a gravidez, pode afetar permanentemente os mecanismos de controle de energia e metabolismo do filho durante a vida, afirmou a principal autora do estudo, Sneha Sridhar.

O desajuste alimentar intra-útero pode causar problemas para a criança tanto no nascimento quanto durante a vida, como a maior tendência a desenvolver doenças como a hipertensão e a diabetes. Já a mãe acima do peso pode desenvolver complicações como diabetes gestacional e hipertensão.

Como manter um peso saudável durante a gravidez?
Normalmente, é esperado que a mulher engorde entre 9 e 15kg durante a gravidez. Porém, cada caso é único e a grávida deve acompanhar o ganho de peso e manter uma dieta balanceada durante toda a gestação. O ideal é calcular o IMC antes da gravidez e acompanhar o índice durante os nove meses.

Para evitar o acúmulo excessivo de peso, ou até mesmo a magreza excessiva, é importante alimentar-se regularmente durante o dia, evitando alimentos industrializados. O consumo de pelo menos dois litros de água ao dia é recomendado, exceto durante as refeições, já que pode causar azia.

Durante a gestação, deve-se evitar alimentos gordurosos, excesso de sal e o consumo de drogas como o álcool e o tabaco. A prática de atividades físicas moderadas também é uma excelente forma de se manter em dia com o peso na gravidez.

Como perder peso depois da gravidez?
Depois do parto, é normal que a mulher perca peso. O corpo gasta muitas calorias entre a amamentação e a produção de leite, e a alimentação exclusiva da criança com leite materno tende a promover um emagrecimento mais rápido. A liberação de hormônios durante a mamada promove a redução do tamanho do útero, fazendo com que o corpo volte ao normal.

Por isso, não são recomendadas dietas ou o uso de medicamentos para emagrecer. Além disso, é necessário que a mãe se alimente de forma nutritiva e consciente, já que ela é responsável por produzir a principal fonte de alimento para o bebê até os seis meses de idade.

Frutas, legumes, verduras, carnes, cereais e derivados do leite devem ser combinados na dieta durante o período de amamentação, com cuidado especial para não exagerar nas porções. Apesar da necessidade da ingestão de alimentos e líquidos além do habitual durante esse período, o Ministério da Saúde recomenda o consumo extra de 500 calorias por dia.

Fontes
Healthline
Ministério da Saúde
Senado Federal do Brasil
Revista Crescer

Tradutora e redatora: Daniela Souza
Revisora: Paula Ávila
Designer: Raphael Alpoim
Diretor técnico: Geraldo Majella

  • Gostou? Compartilhe: