Compilado de Frutas e cereais diversos

Alimentos funcionais: o que são e como eles podem ajudar sua saúde?

Data de publicação: 29/07/2019 15:00:00
Categoria: Alimentação e Nutrição
É por meio da alimentação que absorvemos a maior parte dos nutrientes que precisamos para sobreviver, e uma dieta balanceada e diversa pode trazer ainda mais benefícios à saúde. É nesse contexto que surge a busca por alimentos que possam ser aliados ao tratamento e à prevenção de doenças: os alimentos funcionais.

Capazes de conferir mais que a nutrição básica, quando ingeridos com regularidade os alimentos funcionais podem ajudar no controle de doenças como o colesterol alto, estimular o sistema imunológico, agir como anti-inflamatório e até mesmo ajudar a reduzir os sintomas da menopausa.

Alimentos contra doenças?
Os alimentos funcionais não são mágicos, para que seus efeitos possam ser percebidos, eles devem ser combinados com uma dieta adequada, assim como um estilo de vida saudável. Alimentos que ajudam a combater o colesterol alto são pouco eficazes quando combinados com uma dieta rica em gorduras saturadas, por exemplo.

Quais são os principais alimentos funcionais?

Soja e seus derivados
Alimentos de soja e seus derivados contém isoflavonas, proteínas e flavonoides. Suas propriedades são favoráveis à redução dos sintomas da menopausa, previnem o câncer, reduzem os níveis de colesterol, têm ação antioxidante e anti-inflamatória.

Alimentos como frutas cítricas, tomate, pimentão, alcachofra e cereja também contém flavonoides, e têm funcionalidades similares.

Peixes
São ricos em ácidos graxos e ômega-3, que contribuem para a redução do colesterol, têm ação anti-inflamatória e são necessários para o desenvolvimento do cérebro e da retina em recém-nascidos.


Óleos de linhaça e soja, nozes e amêndoas
São alimentos ricos em ácido alfa linolênico, que estimula o sistema imunológico e tem ação anti-inflamatória.



Alimentos vermelhos como tomate e melancia
Contém licopeno, substância antioxidante, que reduz o risco de câncer de próstata e ajuda a reduzir os níveis de colesterol.



Cereais Integrais, leguminosas, hortaliças e frutas com casca
Aveia, soja, feijão e ervilha são exemplos de alimentos ricos em fibras solúveis e insolúveis, que melhoram o funcionamento intestinal e ajudam no controle da obesidade e da glicemia, por promoverem mais saciedade depois da alimentação.


Alho e Cebola
Esses alimentos frequentemente usados como temperos contém alilsulfetos, que ajudam a reduzir o colesterol, a controlar a pressão sanguínea, colaboram com o sistema imunológico e reduzem risco de câncer gástrico.


Orientações da Anvisa
No Brasil, a Agência Nacional de Vigilância SanitáriaAnvisa, mantém controle sobre os alimentos considerados funcionais. Para que eles recebam esse título, devem passar pela avaliação do órgão, que orienta a observar atentamente a lista de ingredientes, a tabela nutricional, e tentar entender quais são os benefícios do consumo de alimentos funcionais industrializados antes de adquiri-los, já que eles podem ter adição de elementos como sal e açúcar, que os tornam menos saudáveis.

É importante ressaltar que o consumo de alimentos funcionais não exclui a necessidade de visitas regulares ao médico, nem substituem a necessidade do uso de medicamentos prescritos para tratar qualquer doença.

Fontes
Biblioteca Virtual em Saúde - 1
Biblioteca Virtual em Saúde - 2
Anvisa


Tradutora e revisora: Daniela Souza
Revisora: Paula Ávila
Designer: Raphael Alpoim
Diretor Técnico: Geraldo Majella

  • Gostou? Compartilhe: